Notícias - Evento no Sesc SP sobre Educação para as relações étnico-raciais

Notícias

25/08/2014

Evento no Sesc SP sobre Educação para as relações étnico-raciais

Debate com as pesquisadoras Denise Carreira e Suelaine Carneiro integram mais um evento do "Ciclo Cultura Afro-Brasileira: Apontamentos".

Atividade ocorrerá no Centro de Pesquisa e Formação do Sesc São Paulo.
Quando: 28/08/2014
Horário: 14hs às 17hs
Endereço: Rua Pelotas, 141 - Vila Mariana 5º andar - Torre A São Paulo/SP


 
 
Com uma década de existência, a lei 10.639/03 - que instituiu a obrigatoriedade do ensino de história e cultura africana e afro-brasileira no currículo da educação básica - ainda esbarra em grandes obstáculos para sua efetivação. 
 
A resistência na adoção dos conteúdos no currículo dos cursos superiores, problemas estruturais do ensino público no Brasil (despreparo e desvalorização dos profissionais e a falta de material de apoio), ausência do poder público com ações efetivas para assegurar a aplicação da lei, a insuficiência de cursos de qualificação e formação na área, a persistência da ideologia da democracia racial brasileira, o racismo e a intolerância religiosa são algumas das barreiras que dificultam a consolidação dos conteúdos sobre cultura africana e afro-brasileira na educação básica. 
 
As melhores e mais abundantes iniciativas em prol da lei 10.639/03 têm se originado de ações individuais de militantes antirracistas, organizações e entidades culturais, sociais e mesmo projetos empresariais. 
Duas instituições que atuam na promoção da cultura afro-brasileira e desenvolvem ações de educação para as relações étnico-raciais apresentam algumas experiências e projetos, desenvolvidos a partir da lei 10.639/03, que alcançaram bons resultados, como o projeto A cor da cultura, o Concurso de planos de aula do Geledés – Instituto da Mulher Negra e a recente coleção Educação e Relações Raciais: Apostando na Participação da Comunidade Escolar, desenvolvida pela Ação Educativa.
 
*O debate faz parte do “Ciclo Cultura afro-brasileira: apontamentos”, com encontros independentes que reúnem pesquisadores, artistas e agentes culturais que atuam em vários segmentos da cultura afro-brasileira para refletir sobre alguns de seus aspectos mais fundamentais.
 
As inscrições podem ser feitas a partir de 29 de julho, às 14h, pela Internet ou nas unidades do Sesc em São Paulo.
 
(Ilustração: Ação Educativa)